Como abrir um negócio sem abandonar o emprego estável

Na nossa cabeça, pode até parecer simples a ideia de abrir um novo negócio, mas quando a questão é colocar o projeto para funcionar, aí é que as coisas começam a ficar “puxadas”, afinal, você está investindo as suas economias em algo imprevisível e que para dar certo depende de muitos fatores, começando por uma boa gestão.

Justamente por isso é que muitas pessoas se veem na decisão de continuar no seu emprego atual e iniciar o seu próprio negócio ao mesmo tempo, no intuito de conseguir crescimento, mas ainda assim ter um porto seguro. No entanto, será que isto é possível? Será que não se dedicando integralmente o empreendimento vai sair prejudicado?

Como abrir um negócio sem abandonar o emprego estável

De acordo com especialistas em empreendedorismo, é SIM possível continuar trabalhando enquanto você tira as suas ideias do papel. Mas, para que a empreitada seja bem-sucedida, é importante que você fique atento a alguns detalhes para que nada dê errado. Veja abaixo as nossas dicas de como abrir um negócio sem abandonar o emprego estável:

Valide a sua ideia

Quando temos uma ideia de negócio, o que mais queremos é colocá-la em prática. Com esse entusiasmo repentino, é muito comum que o empreendedor ache a sua ideia maravilhosa, quando na verdade ela não é. Portanto, antes de ter qualquer atitude, pergunte para profissionais em empreendedorismo, em empresários da área que você deseja atuar, para seus familiares ou até mesmo converse com seus potenciais clientes para saber qual a posição deles em relação a sua ideia, ou seja, se eles comprariam ou não.

Pode parecer tentador pular esta etapa, afinal, demanda tempo e nós sempre estamos confiantes no potencial das nossas ideias. Mas, se você não analisa a viabilidade dos seus planos, pode ser que futuramente você não alcance os resultados desejados e possa, até mesmo, levar a sua empresa a fechar as portas sem mal ter começado.

Descubra: Quais As Vantagens de ter Um Home Office 

Faça uma pesquisa de mercado

Ok, se você chegar até aqui é porque a sua ideia tem potencial para seguir em frente. Mas, só a ideia ser boa não é o bastante para investir seus recursos nela. Neste ponto, é fundamental que você faça uma pesquisa de mercado para que você conheça o segmento que estará entrando. Conheça seu público-alvo a fundo, conheça a sua concorrência, analise a procura pelo seu setor, estude os produtos ou serviços que você vai oferecer e entre outros.

Tudo isto pode parecer “perda de tempo” para alguns, mas é todo esse passo a passo que pode evitar que a sua empresa seja mal sucedida. Lembrando que, não é porque você ainda não largará o seu emprego estável que você não precisará dar início a um negócio sólido e duradouro.

Desenvolva um plano de negócios

Se você já validou as suas ideias, já fez uma pesquisa de mercado e tem plena convicção que a sua ideia de negócio próprio tem futuro, então você precisa dar início a todo o planejamento. Como? Elaborando um minucioso plano de negócios.

Mas o que é um plano de negócios? O plano de negócios nada mais é do que um documento em que ficará contido informações sobre o seu futuro empreendimento, como a localização, os recursos necessários, investimentos, as suas expectativas à curto e longo prazo, entre diversos outros detalhes. Além de tudo isso, você também deverá avaliar o ponto em que tomará a decisão de abandonar o seu emprego para se dedicar integralmente a sua ideia de negócio.

Diversas ferramentas disponíveis na internet, como o Canvas, por exemplo, são ótimas maneiras de criar um modelo de negócios e, quando necessário, modifica-lo. Caso você não saiba como desenvolver um planejamento correto, recomendo que você confira um post que explicamos detalhadamente como fazer um plano de negócios perfeito. Vai te ajudar muito!

Busque por diferenciais

Como assim buscar por diferenciais? Simples: sabe quando você começou a analisar a sua concorrência e descobriu os pontos fortes e fracos dela? A partir dessa análise é que você traçará um caminho com diferenciais para o seu empreendimento, de forma que você consiga conquistar cada vez mais clientes para dentro do seu negócio.

Se o seu concorrente tem como ponto forte o preço baixo, mas os produtos são de baixa qualidade, você DEVE praticar um preço correto (nem baixo nem caro, apenas justo) e oferecer produtos de alta qualidade. Isto já é um diferencial e tanto, mesmo sendo um detalhe que é obrigatório para qualquer novo negócio.

Procure também por maneiras de fidelizar o seu cliente, como facilitar nas formas de pagamento, ter mais variedades de produtos, praticar um atendimento de qualidade, oferecer brindes, promoções e mimos e muito mais. Este vai ser o ponto de partida para você conseguir destaque no mercado e, finalmente, sair do seu emprego atual.

Terceirize tarefas

Dedicando-se a duas atividades ao mesmo tempo, é normal que você acumule cada vez mais tarefas e tenha sempre menos tempo para cumpri-las. Por isso, a melhor solução é terceirizar estas atividades que você não está dando conta.

Como abrir um negócio sem abandonar o emprego estável

Cuidado para não perder o foco

Com toda a animação que você terá ao começar a tirar as suas ideias do papel, é muito comum que você perca o foco no seu emprego estável. Isso, além de ser uma atitude irresponsável com o seu empregador, também pode te custar o seu trabalho. Então, evite tomar decisões sobre o seu negócio durante o expediente. Resumindo, separe as atividades.

Saia do seu emprego no momento certo

Existe um momento certo para eu abandonar o meu emprego? Na verdade, SIM! E esse momento é quando você se sente pronto para dedicar-se integralmente ao seu negócio. Baseie-se em números também, quando a sua empresa conseguir atingir a sua média de renda mensal, você está preparado para trabalhar em cima dela apenas.

Lembrando que, quando você sair do seu emprego, você terá muito mais tempo para dedicar-se exclusivamente ao seu negócio, o que tornará o crescimento da sua empreitada maior.

Agora que você já sabe como abrir um negócio sem abandonar o emprego estável, chegou a hora de colocar as dicas que demos a você em prática e começar a realizar o seu sonho de ter um próprio negócio. Gostou do nosso post? Então deixe o seu comentário abaixo e aproveite para compartilhar estas dicas. Bons negócios!

Leave a Reply