Como montar um negócio no ramo de casamentos

O ramo de casamento atualmente tem sido um bom negócio para microempresas, isso ocorre porque as pessoas estão optando por festas e casamentos mais simples, mas não significa que não seja algo que traga resultado a empresas grandes também.

Como montar um negócio no ramo de casamentos

Você irá tratar com o cliente então deverá ser simpático e capaz que contornar situações conflitantes, devido ao estresse e ansiedade do noivo e da família, aja sempre como um amigo (a).

Além dessa dica você vai encontrar muitas outras presente nesse artigo, para que você tenha uma luz, ao começar a montar seu negócio no ramo de casamentos.

Quer montar  o  seu  negócio  mais esta com pouco dinheiro para investir? Saiba como começar  sua própria empresa usando  somente 1000 reais 

Passos principais para montar um negócio

Planejamento e pontualidade

A empresa que estará responsável para organizar o casamento deve ter um planejamento prévio e padrão de tudo o que é necessário para montar a festa, as alterações que serão feitas para adequar o padrão aos noivos deve ser a parte mínima.

Ou seja deve-se ter em mente uma lista de todas as coisas que serão necessárias e utilizadas para organizar o evento, como: Flores, cor da festa, vestido da noiva, buquê da noiva, buquê das daminhas, entre todas as outras coisas.

Ao já deixar preparado o material necessário a única coisa que será modificada seria o tipo das flores, se o vestido da noiva tem ou não renda, qual buquê da noiva, o buquê das daminhas será de doce ou será de flor, a cor da festa e tudo mais.

Além de te ter essa praticidade de planejamento é necessário que a empresa seja pontual na marcação de suas visitas, entrega de material, e no dia do evento precisa estar lá antes de todo mundo.

Esses são dois itens que fazem muita diferença, porque todo cliente é automaticamente atraído por boa organização e administração empresarial, antes de tudo, tenha isso em mente.

Versatilidade

Uma das coisas que mais impulsionam um negócio nesse ramo, é a possibilidade da promoção de diversos serviços, quantos mais serviços sua empresa for capaz de fornecer, melhor será ela para o cliente, e para a própria empresa.
Quando você mesmo é capacitado em promover o espaço e a decoração, ou a decoração e o buffet completo, até mesmo buffet e filmagem com fotografia, as coisas se tornam mais fáceis, pois há a possibilidade de se fechar um preço único com o cliente.

É um bom diferencial quando sua empesa consegue oferecer mais de um serviço apenas, também é outro ponto muito importante para alavancar os negócios financeiros e empresariais.

Experiência no ramo

A experiência conta muito, mesmo que seja pouca é necessário que você tenha tido alguma vivencia com a ornamentação e organização de um casamento, para dar os passos iniciais.

Começar totalmente do zero sem saber para onde ir e o que fazer, são coisas que atrapalham muito na produção e deixa o cliente com um pé atrás, principalmente se em suas reuniões não houver firmeza em suas respostas.

Boa publicidade

Não importa o quão boa, planejada, organizada e preparada seja sua empresa, se ninguém a conhece, depois dos itens acima, você precisará investir na publicidade e no marketing propriamente dito.

Se ainda não tem condição de pagar um domínio HTTPS e uma URL, monte um blog, bem organizado, com o nome e logotipo da empresa, com cores que combinem, com o máximo de informações sobre a empresa possível, principalmente sobra a clareza dos preços pelo os serviços e produtos.

Além de blog, existem muitas outras redes sociais que te permitem criar um perfil voltado para o comercio, que possuem bons acessos, como o Instagram e o facebook, mas assim que consegui um dinheiro extra, monte um site oficial, pois isso passa mais credibilidade a quem procura o serviço.

Confiabilidade da empresa (Registrada)

Dependendo do serviço prestado a localização e a estrutura da empresa não é necessariamente um tópico relevante a ser discutido, o que se deve fazer, seja em qualquer empresa é registrá-la.

Sua empresa precisa ter CNPJ, ser reconhecida no cartório, e ter uma firma aberta, com tudo regularizado pela lei, isso passa também muito mais confiança ao cliente, essas informações devem estar à disposição do cliente e serem fornecidas sempre que for solicitada por eles.

Evite negócios clandestinos, e sempre regularize todas as situações que são voltadas para a empresa, tendo tudo dentro e no PADRÃO da lei, não esquecendo nem deixando de fora nada.

Leave a Reply